terça-feira, 15 de maio de 2012

FORRÓ DO DESMANTELO



Morena se tu gostas vem que tem
Se tu curte um chamego vem que tem
Se me acha essa coisa toda vem que tem
Se quando treme as perninhas o folego já não tem
Vem que tem
E fica louca vira bicho, vem que tem
Vem com sede vem neném

Oh morena tu não sabe que eu adivinho teus desejos
Os todos os teus gostos todos-todos, teus agrados, tuas manhas vem que tem

Nessa noite toda quente
Nessa noite toda ardente tu me vem
Com o teu cheiro bem gostoso
Oh morena vem que tem
Vem que tem

E se tu ficas uma semana
Sem vir pra o forró
Eu fico louco é de desejo
Fico outro viro um nó

Oh morena vem logo, vem pra esse desmantelo
Vem simbora, vem voando
Vem atrás do seu apego
Vem correndo, vem táxi, moto-táxi vem ligeiro
Vem morena, moreninha vem pra esse desmantelo

0 Opinião (ões):

Tecnologia do Blogger.

Inscreva seu email, baby.

Seguidores

Hipocondria Literária Popular

Ocorreu um erro neste gadget