sexta-feira, 18 de maio de 2012

AINDA

Você ainda é presente em mim
Embora espaços vazios te denunciam em condição
Não há mais o cheiro
E os carinhos
Só duras e cortantes lembranças
Sem cor
Sem cheiro
Geladas

Você não vem mais pra mim
E é quase seu aniversário
Queria tanto ouvir sua voz
Escutar o silêncio que cerca também quando não há palavras
O que fazer?
Ao menos te perdoou
E falo a verdade aos meus amigos
Que estou sofrendo pela sua ausência
Mas que irá passar

Vou me curar de você.

0 Opinião (ões):

Tecnologia do Blogger.

Inscreva seu email, baby.

Seguidores

Hipocondria Literária Popular

Ocorreu um erro neste gadget