terça-feira, 26 de julho de 2011

O MENINO E SEU MAR

O menino tirou toda roupa e entrou no mar.
Ele está nadando em busca de respostas.


O sol toca a sua pele, e o faz esquecer de que um dia já sentiu frio,
Ele se sente livre por estar sem roupas, e sorrir por instantes.


Ele está nadando.
E nadando
Vêm algumas ondas safadas, gulosas que o abala,
Uma onda carente, uma onda invejosa, outra sem noção
Mas ele insiste em si e nada.


Ele aprende cada vez mais nadando.


Quanto mais ele abre os olhos para ver, mais sal entra e arde.
- Feche os olhos menino. Não use os olhos no mar.
Assim você verá melhor.

0 Opinião (ões):

Blog Archive

Blog Archive

Tecnologia do Blogger.

Inscreva seu email, baby.

Seguidores

Hipocondria Literária Popular